Eu sou born and raised – nascida e criada, desculpa adoro essa expressão e vi uma oportunidade em usá-la hahaha – no meio festivo. Comia cola e glitter do atelier do meu tio quando era bebê e isso explica muita coisa, não é mesmo?rs Hoje em dia minha mãe tem uma empresa de decoração com bolas e eu trabalho com ela, ou seja, eu amo e vivo de festas. E se você é meu amigo vai entender que toda vez que enxergo a oportunidade de fazer uma festa, eu faço. Tudo isso pra dizer que semana passada foi aniversário do meu namorado e ele não queria fazer nada e eu como todos os anos ignorei solenemente. Quando ele viu estava eu de mala, cuia e cupcakes com essa mesa que achei gracinha e resolvi compartilhar como tudo se deu para te inspirar a um ‘faça você mesma’ por aí.

Para começar você precisa definir o estilo da festa, eu queria algo simples, rústico, mas bonito. Definir as cores entre madeira, azul e cinza/prata e tudo funcionou em torno disso.

O bom da estética atual da decoração é que as coisas precisam ser coordenadas, mas não combinadinhas. Uma das bandejas é de bambu e a outra é um caixote pequeno de feira. Os porta pirulitos são castiçais da sala da minha casa, rs. E o fundo eu decorei com plantas e suculentas que encontrei pela casa dos avós dele.

Eu quem fiz todos os doces, menos o bolo. E com uma certa organização da pra fazer tudo direitinho sem enlouquecer, rs. Compre os materiais com mais antecedência que conseguir, e imagine como quer a mesa mesmo que vá mudando algumas coisas na hora.

Acho que o resultado final foi satisfatório e vocês? Gostaram?

Beijos,

Deixe seu comentário

Este artigo não possui comentários

Os comentários estão fechados.