entretenimento

Nave Planetária em Manaus. Foto: https://www.facebook.com/NavePlanetaria/

Oiiii gente! Feliz Ano Novo por aqui, rs. Quem me acompanha nas redes sociais (caso não acompanhe, vamos corrigir isso @may_barbosa lá no instagram) sabe que o fim e começo do ano foi confuso para mim por conta da doença da minha cachorra, mas agora voltamos a programação normal e trago novidades!

Leia mais

Na semana passada fui na pré-inauguração do Kinoplex Top Shopping e assistimos o filme A Chegada, quando li a sinopse achei que não seria muito meu tipo de filme – apesar de gostar de ficção científica – mas curti e muito.


Sinopse:

Quando seres interplanetários deixam marcas na Terra, a Dra. Louise Banks (Amy Adams), uma linguista especialista no assunto, é procurada por militares para traduzir os sinais e desvendar se os alienígenas representam uma ameaça ou não. No entanto, a resposta para todas as perguntas e mistérios pode ameaçar a vida de Louise e a existência de toda a humanidade.

O filme é narrado pela perspectiva da Dra. Louise Banks e apesar de ser uma ficção cientifica tendo como trama principal uma possível invasão alienígena e se isso é ou não preocupante, o filme explora o lado mais humano, relações, pessoas. 
A deixa para entender esse fato acontece logo no inicio quando sabemos que a Dra Banks é uma linguista, professora em uma universidade e é ela que é procurada pelo exército americano para formar uma equipe para tentar se comunicar com os extraterrestres. Durante todo o processo de tentativa de comunicação sentimos empatia por Louise e isso talvez seja reflexo da empatia que ela me pareceu ter pelos aliens. 
A revelação final do filme – que eu não posso contar, lógico – fala sobre como a língua, a comunicação e seus mistérios estão entrelaçados com o futuro da existência da humanidade. E além desse enredo diferente das ficções que ando vendo por aí, os efeitos especiais estão maravilhosos, a fotografia incrível e ainda temos um pequeno romance como segundo enrendo, claro. rs 
Eu assisti no Kinoplex, na KinoEvolution e tenho certeza que isso conferiu mais emoção. Não é um merchan – e se fosse seria sinceríssimo, rs – é apenas uma dica.
Data de lançamento: 24 de novembro de 2016 (1h 56min)
Direção: Denis Villeneuve
Elenco: Amy Adams, Jeremy Renner, Forest Whitaker
Gênero: Ficção científica
Nacionalidade: Eua

Beijos.

No dia 19, sábado, fui a um tour na comunidade Santa Marta em Botafogo Zona Sul do Rio a convite das Tintas Coral. O objetivo do convite era mostrar a imprensa o projeto Tudo de Cor que a marca desenvolve na comunidade há 6 anos e seu impacto por lá.

Conhecemos Verônica – guia local – que nos mostrou algumas curiosidades da comunidade e como a história do projeto se fundiu com a do local nesses últimos anos. As casas, muito mais coloridas, deixam a construção desregular muito mais harmoniosa tanto para quem vê do asfalto das ruas de Botafogo, quanto para os moradores. Fazendo com que o projeto contribuísse para dois fatores importantíssimos: 73% dos moradores disseram que o projeto aumentou sua autoestima e 92% acreditam que as pinturas ajudaram a atrair mais turistas. Esses dados, junto a outros, foram conseguidos graças uma pesquisa realizada pelo Cieds em toda a comunidade.

A primeira ação da Coral no Santa Marta se deu em 2010, na Praça do Cantão, com a pintura de 34 casas, mais a quadra da escola de samba Mocidade Unida do Santa Marta. A partir de 2012, a marca iniciou um trabalho constante na comunidade. De lá para cá, foram pintados cerca de 400 imóveis e revitalizadas diversas áreas de convivência, como o Espaço Michael Jackson, onde o rei do pop gravou, em 1996, o videoclipe “They do not care about us”.

Na minha experiência por lá, notei que o Santa Marta precisa de muitas e muitas coisas assim como todas as regiões periféricas. A imersão em outra realidade mostra como o fato de embelezar fachadas, capacitar pintores locais e promover o acesso a quadras de esportes que vão além do futebol podem melhorar a sensação de bem estar dos moradores, a autoestima como eles bem disseram.

“Tudo de Cor” no Santa Marta em números
– Casas pintadas: 400
– Litros de tinta usados: 25 mil
– Quantidade de mutirões: 53
– Porcentagem de casas pintadas: 60%
– Número de voluntários: 1.803

Mutirão de voluntários

Um trabalho de marketing que vai muito além de apenas uma ação, que conversou com a comunidade e sai no final deste ano deixando um legado. Adorei a experiência de conhecer a comunidade e com o olhar do morador, aliás, na praça Corumbá aos pés do Santa Marta existe um quiosque – feito pela Coral – que guias locais credenciados se disponibilizam para o passeio. O que eu fiz com a Verônica custa em média R$80 por pessoa com direito a feijoada.

Beijos,

Ingrid Costa, Nathália Sousa, eu, Laíza Pires e Tuilla Barros (faltaram a Bia e a Roberta na foto)
Hoje eu fui conhecer as novas salas do Kinoplex no Top Shopping como imprensa e não poderia estar mais feliz como moradora da cidade e consumidora de cinema. Ao todo são 6 salas, uma delas é a KinoEvolution – aquela enoooorme que te passa a sensação de pertencer ao filme – e as outras cinco normais, mas modernas e sem nenhuma comparação ao antigo cinema do shopping.
Sala KinoEvolution

O novo cinema fica na expansão e me lembrou muito o do shopping Tijuca, muitas escadas rolantes até ter acesso e uma visão panorâmica para o lado de fora do espaço. O filme que assistimos hoje foi “A Chegada” – falo dele em breve – e foi legendado, ou seja, pelo visto além do Shopping Nova Iguaçu também teremos oferta de filmes legendados em mais um Kinoplex da região, agradecemos e muito. 

O espaço ficou espaço, funcional e bonito. Pelo que apurei abre ao público amanhã e os ingressos já podem ser comprados pelo site também. Legal, né? Adoro. Vou tentar editar os vídeos que fiz no snap (beautythings, segue lá, sou legal!) e no stories (@may_barbosa, já disse que sou legal?) e postar no Youtube. 

Fotos: Mayara Barbosa e Rafael Macedo 

Beijos,

Sessão Azul em Alagoas
Desde que fui na inauguração do Kinoplex  no Shopping Nova Iguaçu e tive a oportunidade de conhecer a equipe tive a certeza que trariam todos os projetos da rede para a nossa cidade e é com muita alegria que divulgo a Sessão Azul que propõe um ambiente a meia luz, som mais baixo e total liberdade para a plateia andar, cantar e se divertir. 
É neste cenário que as crianças autistas e suas famílias irão assistir a uma sessão de cinema no Kinoplex do Shopping Nova Iguaçu no dia 15 de outubro, às 10h30. O projeto chamado Sessão Azul, idealizado pelo grupo CapaciTEAutismo, é realizado em parceria com a rede de cinemas e tem como objetivo principal incentivar pais e familiares de crianças com distúrbios sensoriais a assistirem a seus filmes favoritos em um ambiente seguro e totalmente adaptado, democratizando o acesso à cultura e promovendo a inclusão.
“Após anos observando experiências de famílias de pessoas com Transtorno do Espectro do Autismo (TEA), identificamos vários casos em que as famílias muitas vezes deixavam de ter um convívio social maior por receio ou vergonha da reação do autista em situações que, para ele, talvez não sejam tão confortáveis, como ir ao cinema”, conta a psicóloga Carolina Salviano de Figueiredo, que está à frente do projeto junto com a também psicóloga, Bruna Manta. Para as sessões realizadas em Nova Iguaçu, o grupo conta com o apoio da Associação de Apoio à Pessoa Autista (AAPA).

O filme a ser exibido nesta sessão ainda está em processo de votação. Mais informações podem ser conferidas no site do Kinoplex (www.kinoplex.com.br) e da Sessão Azul (www.sessaoazul.com.br).
Beijos,

Eu adoro séries, assisto algumas e dentre elas sempre tem uma comédia rápida que me distrai e diverti, como no caso de Modern Family que falei aqui. Hoje vou falar sobre a maravilhosidade que é Kimmy e tudo que eu acho da série.

Comecei assistir há um tempo atrás antes da segunda temporada ser lançada, e me encantei com a simplicidade da série que tem como enredo a história de Kimmy que foi sequestrada por um seita religiosa durante 15 anos junto com outras fiéis, convencidas que o mundo tinha acabado. Após esse período de reclusão (com muitas histórias engraçadas) o FBI liberta as reféns e Kimmy decidi tentar a vida em Nova York.

Agora pensa numa adulta em Nova York sem conhecer nada (nem a cidade, nem ninguém) que tem trejeitos, comportamentos e gírias de uma adolescente de uma década atrás nascida e criada no interior dos Estados Unidos? Sim, bobo! E engraçado. hahaha

Dentro do contexto da comédia eu consigo encontrar algumas ‘lições’ de determinação, companheirismo e amizade. Já estou no fim da segunda temporada e encerro meus comentários por aqui para não dá spoiler. rs

Beijos,

Se você me segue no instagram (se não segue, siga: @may_barbosa) já deve ter percebido que comecei a melhorar, organizar – na medida do viável para mim – o meu feed. E acabei descobrindo muitos aplicativos que fazem melhorias incríveis nas fotos. Hoje vou falar de um dos que eu uso o AirBrush, e se gostarem, faço de outros.

A cara do app, depois de importar a foto e aparecerá a tela da direita

Clico no botão CLAREAR e passo nos locais que desejo clarear
Dou zoom para tirar o efeito branco da minha pele, e clico no botão BORRACHA e apago o efeito clarear em mim, nesse caso.
Depois que finalizado, clico em concluído e depois nesse simbolo circulado e sua foto irá para a pasta ‘AirBrush’ no seu celular.

O aplicativo é gratuito e está disponível para Android e IOS.

Beijos,

No ano passado tive a oportunidade de conhecer o pessoal do Pinterest em um workshop aqui no Rio e aprender um pouco mais sobre a mídia social, e inclusive descobri que usava de maneira errada. Como tudo por lá é maravilhoso e viciante resolvi contar um pouco como se usa a mídia.
1. O Pinterest é uma mídia social e não uma rede social, o que simplificando significa, que você pode postar suas fotos sem necessariamente gerar um relacionamento direto com alguém especifico.
3. Assim que você se cadastra, responde quais são seus interesses e dessa forma imagens correspondentes vão aparecer para você
2. Você pode criar pastar pelas suas predileções e pinar – sim, o Pinterest tem um verbo, rs – ou seja fixar/salvar alguma imagem que você viu no feed em alguma das suas pastas
3. Essas pastas podem ser organizadas pelo conteúdo – o que é praxe da rede, tudo é muito organizado e lindo por lá – ou se preferir pode pinar diferentes conteúdos em um só local
Algumas pastas minhas na mídia social
4. O Pinterest é uma fantástica fábrica de inspirações. Lá você encontra de tudo! E pra buscar é só procurar por palavras chaves em português mesmo (as vezes procuro em inglês também!).
5. Os conteúdos mais pinados são: moda, decoração, comida e beleza. Não a toa meus assuntos prediletos. rs
6. Se você quiser ser achado por lá, descreva bem toda a sua imagem. Da cor e tipo da sua roupa, até para que ocasião ela serve.
7. Aqui no blog toda imagem tem o botão do Pinterest, se você quiser piná-la é só clicar nele. Muitos sites disponibilização essa função, e você também pode baixar a extensão para o seu navegador, só buscar no google por “extensão pinterest”
Se vocês tiverem dúvida de como mexer na rede, me sinalizem, que eu faço um vídeo explicando.
E lólólólógico que eu tenho um perfil lá, rs, me sigam: https://br.pinterest.com/may_barbosa/
Beijos,